quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Erros de Photoshop em pôsteres de filmes

Os erros quando são cometido por grandes produtoras de filmes, não passam despercebidos a  milhões de pessoas.
Quer pela falta de proporção, profundidade da fotografia, são notários alguna grandes erros de photoshop em variados cartazes de filmes.
O objetivo de tanta manipulação nas imagens é, claro, torná-las mais atraentes para que as bilheterias vendam, no entanto nem sempre a execução da imagem no photoshop é bem conseguida.


Homem-Aranha 2

É notório o erro pela posição corporal de Kirsten Dunst, que não está totalmente de frente para o Homem-Aranha, ficando difícil de entender como o seu braço consegue chegar ao ombro do super-herói.





Marido por Acaso 

Ambos os atores olham na direção errada. Colin Firth apresenta mãos enormes, o pé de Uma Thurman está inchado, o edifício Chrysler mudou de localização e alinhamento.




Os Reis da Rua 

O slogan de “Os Reis da Rua” diz: “Sua cidade. Suas regras. Nenhum prisioneiro.” E diga-se de passagem que fica realmente é complicado prender alguém quando não  se tem dedo para apertar o gatilho. A montagem cortou o dedo de Keanu Reeves e mudou o conceito de segurança da película.



Instinto Selvagem 2

No cartaz de divulgação coreano, Sharon Stone aparece ainda mais sensual com os cabelos molhados. No espelho, contudo, o cabelo dela está seco, além de a posição da cabeça mudar. 



A lição que fica: os erros de Photoshop vêm de longa data e acontecem mesmo nas produções de grande orçamento.


site consultado





Dodge & Burn



A ferramenta "Dodge and Burn" (Clarear e Escurecer) é uma excelente ajuda para recuperar ou intensificar a luminosidade selectiva numa fotografia. Na verdade, não há muito a dizer acerca desta ferramenta... a sua utilização é simples: "Dodge" para clarear, "Burn" para escurecer!

Como? 


Basta na régua de ferramentas lateral seleccionar estes itens e na barra do topo escolher o diâmetro do pincel, os tons sobre os quais que deve incidir (sombras, tons médios ou altas luzes) e a percentagem de opacidade/exposição do efeito. Depois é só passar em cima das zonas que se pretende corrigir!
Esta ferramenta é útil, por exemplo, para recuperar céus pouco contrastados ou "deslavados", para recuperar e uniformizar sombras, etc... 


Reparem na edição da imagem: De maneira muito simples, os brancos das paredes dos edifícios, os verdes da vegetação e a terra do chão, depois de "clareados" bem assim como o "escurecimento selectivo dalgumas zonas do céu, recuperaram o ar "deslavado" e tornaram a fotografia mais vivída!



Consultado em 11 Dez 2016

Fonte:





segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Fotografia ISO (sensibilidade)

ISO (sigla de International Standards Organization) é uma variável tão importante quanto a abertura do diafragma e a velocidade do obturador. O ISO mede a sensibilidade do sensor (fotografia digital) ou do filme (fotografia analógica) à luz. Ou seja: quanto mais sensível (ISO maior), mais o mecanismo da câmara se esforça para captar informações em uma cena; por isso aumentamos o ISO em ambientes mais escuros, porque a câmara precisa de uma força extra para “ver” melhor! E quanto menos sensível (ISO menor) o sensor ou filme for, mais iluminação é necessária na cena, já que a câmara nesse caso não recebe uma exigência tão grande para fazer a foto.


Configurar o valor certo do ISO na câmara é simples: observar como está a iluminação do ambiente, se tem ou não um tripé que estabiliza a câmara e impede tremidos, assim já vai poder diminuir a velocidade do obturador (deixar mais luz entrar) e consequentemente, não vai precisar colocar um ISO muito alto, porque não vai precisar compensar a falta de luz.




Enquanto o ISO vai aumentando, o ruído aumenta também. Ruído são aqueles pontinhos estranhos que insistem em aparecer principalmente nas fotos noturnas. Com a falta de luz, a pessoa ou o modo automático da máquina determinou que um ISO alto era preciso. Com a escuridão, as informações de luz e cores captadas pela câmara não eram muito concretas e nítidas, o que gerou os famosos pontinhos do ruído!



E da mesma forma que uns odeiam, outros amam e até usam o ruído como estilo; um exemplo é a foto de uma de Katy Perry para a Interview: é clara a intenção do fotógrafo de usar o ruído para intensificar a sensação de outra época do editorial, afinal passado = fotografia analógica, que tem o ruído como uma das suas características.

 



O mais importante de tudo é equilibrar a abertura, a velocidade e o ISO.

É tudo questão de avaliar o contexto da foto e compensar a luz da melhor forma configurando essas três principais variáveis.





Wacom



Como alguns devem de ter já ouvido falar Wacom é uma companhia japonesa que especializa-se em mesas digitalizadoras e produtos com elas relacionados. 

A companhia foi fundada no dia 12 de julho de 1983, o seu nome Wacom é uma mistura de inícios de palavras japonesas numa só em que "Wa" pode significar harmonia, círculo ou em si Japão e "com" que em japonês é Komu significa computador.

Wacom tem como lema "for a creative world", esta companhia sonha com a criatividade de cada um, onde as pessoas estão livres para explorar e expressar novas ideias. e acredita que podemos expressar estas mesmas através de obras em digital o que leva a criação das suas mesas digitalizadoras.

A Wacom já criou inúmeras mesas, muitas das vezes vêm com alguns programas que tiram proveitos das vantagens da mesa, apesar de que algumas já foram descontinuadas. De seguida temos algumas das mesas mais populares da companhia:
  • Intuos, é uma mesa mais para uso mais a nível de lazer em casa.
  • Intuos Pro, como o nome indica esta é uma mesa mais profissional e com um maior número de vantagens que a intuos.
  • Cintiq, esta mesa é uma das mais famosas e cara da gama wacom, esta mesa é um hibrido de mesa e ecran visto que apresenta em si as qualidades de mesa digitalizadora e ecran ao mesmo, da gama Cintiq a mais cara até agora é à Cintiq 27QHD touch com o valor de 2,899.90 €
Até agora existem cerca de 11 lojas wacom em todo o mundo e a sua sede é em Kazo-shi, Saitama, Japão.

Muitos dos clientes escolhem esta companhia visto que para alem da boa qualidade das suas mesas, é a companhia que não recorre a baterias nos seus stylus e mesas, apesar disso existem algumas mesas que recorrem a baterias dadas pela companhia para o uso da própria mesa em modo wireless.

Créditos: Wacom wikipédia e Wacom webpage

Photoshop como meio de criação de novas imagens



Como podem saber várias pessoas hoje em dia usam o photoshop como uma ferramenta para edição e criação de novas imagens, muitas das vezes usam esta ferramenta para mudar fotos para os padrões de outras pessoas para fins de propaganda, mas este programa pode também ser utilizado como um meio de criação de imagens, quer sejam montagens bastante simples como algo muito irreal como que estivesse no meio de fantasia.
Para tais criações apenas precisamos de algumas imagens e criatividade, pode não acabar como primeiro foi planeado mas ira sempre acabar um resultado bastante interessante.
Irei deixar aqui alguns vídeos que achei bastante interessantes para verem e talvez experimentarem em casa.





Créditos: 1º video - jason kim
2º e 3º video - rafy A

Máquinas Fotográficas Digitais que Funcionavam com Disquetes

     Hoje em dia, com a generalização dos cartões de memória micro SD, a fotografia digital é algo que nos é familiar. Esses cartões actualmente podem chegar a ter centenas de Gigabytes e com eles facilmente conseguimos transferir fotografias de uma máquina para um computador. No entanto nem sempre foi assim, as primeiras máquinas fotográficas digitais não utilizavam cartões SD como hoje se usa; mas sim dependiam inteiramente de portas seriais para transferir fotografias desde a câmara até a um computador. Este método de transferência de imagens possuía bastantes falhas, e inúmeros erros de software podiam ocorrer devido a falhas de compatibilidade e a outros factores. Aí é que a invenção da máquina digital com disquete se revelou bastante útil, pois com estas os utilizadores podiam transferir mais facilmente as suas fotos para o seu computador, visto que apenas bastava inserir a disquete no aparelho e copiar os ficheiros para o mesmo.


     A primeira destas "novas" máquinas digitais é a Sony Mavica (que significa Magnetic video camera), lançada em 1997, esta máquina ajudou a tornar a fotografia digital mais acessível ao público. Cada disquete da Mavica suportava até cerca de 20 fotos, a Mavica também permitia pre-visualizar e apagar fotografias na própria máquina, algo que hoje em dia nos é garantido mas que à 20 anos atrás era uma grande novidade. A Sony lançou duas versões da Mavica em 1997, a Mavica FD5 e a Mavica FD7, ambas com uma resolução de 640x480, com um ecrã LCD a cores de 2,5 polegadas mas a grande diferença entre uma e outra é que a FD5 era de focagem fixa e a FD7 tinha um zoom de x10, também é importante salientar as diferenças entre os preços das duas máquinas, sendo que a primeira custava 599 dólares na data de lançamento e a seguinte custava 799 dólares.




Fig 1- Sony Mavica FD5




Fig 2 - Sony Mavica FD7




     Após o lançamento da Mavica, o mercado das máquinas fotográficas digitais foi evoluindo, apareceram outros modelos que utilizavam disquetes, que eventualmente transitaram para câmaras que utilizam cartões SD. Tornando esta máquina uma invenção pioneira na área da fotografia, pois mudou a forma de como guardamos as nossas fotografias, num mundo cada vez mais dependente de ferramentas digitais.









Texto escrito por mim.


Fonte de informação: http://petapixel.com/2016/12/12/look-back-digital-cameras-used-floppy-disks-memory-cards/


Imagens: Fig 1 - https://c1.staticflickr.com/1/90/265978167_27a8092bfd.jpg

                Fig 2 - http://old-digitalcameras.com/Images/Sony/Sony_Mavica_FD7_1.jpg

   

Google Sites - Como começou

     O Google Sites é uma ferramenta de criação de websites criada pela Google, que tem como principal objectivo a criação de um site em equipa em que várias pessoas podem contribuir com conteúdo para o mesmo.

     O Google Sites como hoje conhecemos nem sempre teve este nome, este serviço começou por se chamar JotSpot, e pertencia a uma companhia que se especializava em criar software social direccionado a pequenos e médios negócios. No entanto, em Outubro de 2006, o JotSpot foi comprado pela Google, que mais tarde, anunciou a adição de uma funcionalidade de transição de dados de paginas web criada fazendo uso do Google Page Creator aos servidores do Google Sites e em 2008 foi revelado que o Google Sites utiliza a tecnologia que teria sido utilizada no JotSpot. Este serviço sempre foi grátis, no entanto, os utilizadores necessitavam de um domínio para utilizar no site, que era pago e custava 10 dollars, no entanto, a partir de Maio de 2008, tudo passou a ser grátis.


     A Junho de 2016 a Google criou uma versão completamente redesenhada do Google Sites, o interface do utilizador foi completamente renovado, que utiliza temas que tem por base a estética do Google's Material Design. Esta nova actualização permite que vários utilizadores editem o site simultaneamente, e o Google Analytics também passou a estar disponível nesta plataforma.


 

Fig 1- O layout do Google Sites como se apresenta actualmente







Texto escrito por mim.

Fonte da informação: 
https://en.wikipedia.org/wiki/Google_Sites



Microsoft recua... e tira o que já tinha dado!

Julho 2016: Microsoft recua... e tira o que já tinha dado!

De 15GB de espaço de armazenamento, passámos a ter somente 5GB!
Por outro lado os 15GB de armazenamento para fotografias (do camera roll) foi... descontinuado!

Se quisermos um espaço de armazenamento maior do que 5GB teremos de pagar 1.99 Euros/mês por 50GB!



Leia a noticia completa em:
www.crestws.com/microsoft-goes-backwards-by-cutting-storage/

ou em:

www.yahoo.com/tech/microsoft-starts-downgrading-onedrive-users-161222992.html

25 Melhores Plugins Photoshop para Fotografos

O Photoshop é uma ferramenta notável, provavelmente a mais usada por fotógrafos e designers e que permite criar e manipular imagens fotográficas, e que agora com a versão Photoshop CS6 permite também a manipulação e criação 3D, para além de vídeo. O Photoshop têm já um numero muito elevado de menus e escolhas de efeitos, no entanto o Photoshop permite a possibilidade de instalação e utilização de outros softwares ou plugins para usos mais específicos. Alguns desses plugins para Photoshop são pagos, embora muitos sejam também gratuitos e igualmente bons para o fim a que se destinam. Segue-se uma lista dos 25 melhores plugins para Photoshop:

1 - TOPAZ DETAIL 3

Topaz apresenta um conjunto de pulgins muito diversificado dos quais o mais conhecido é Topaz Detail, um excelente plugin que aplica detalhe às fotografias de forma única, o qual pode adquirir a um preço de $39,90. Topaz apresenta também diversos pulgins para outras funcionalidades tais como  filtros, eliminação de ruído nas fotografias, preto e branco entre muitos outros.

Empresa: Topaz Labs Preço: $39,99

2 - VIRTUAL PHOTOGRAPHER

Plugin gratuito que apresenta diversos filtros que podem ser aplicados às fotografias de forma simples e rápida através de um clique, para além de diversos outros ajustes tais como ruído na imagem, cor, preto e branco, focagem ou contraste.

Empresa: Optik Verve Labs Preço: Gratuito

3 - CSS3PS

Um plugin ideal para programadores e web-designers que utiliza a nuvem para fazer os cálculos necessários para converter as camadas do Photoshop em css3. Um plugin excelente para quem quer ganhar tempo.

Empresa: CSS3PS Preço: Gratuito

4 - SILVER EFEX PRO 2

O mais conhecido plugin para tratamento e obtenção de fotografias preto e branco, controles profissionais e algoritmos avançados para obtenção de preto e branco de alta qualidade. Contém ainda a possibilidade de emular 20 tipos de filmes mais populares. Pode usar uma versão “trial” para experimentar gratuitamente.

Empresa: Nik Software Preço: $149,00

5- FRACTALIUS

Plugin para adicionar efeitos de luz e pincel ou lápis às fotografias. Ideal para designers que pretendem aplicação de efeitos em fotografias. A empresa Red Field contém ainda diversos outros plugins a ter em conta, alguns deles gratuitos, destaque para o Water Ripples ou  o Sketch Master.

Empresa: Red Field Preço: $39,90

6 - DREAM SUITE ULTIMATE

Dream Suite Ultimate é um plugin bastante popular para Photoshop e contém diversas opções para criação de texturas, diversos efeitos, efeitos 3D, aplicação de diversas bordas criativas nas fotografias. Destaque para o Plugin Photgraphic Edges, que como o nome indica aplica molduras criativas e artísticas nas suas fotografias, é bastante bom e tem o preço de $249,00.

Empresa: Auto FX Software Preço: $199,00

7 - EXPOSURE 4

Um excelente plugin que possibilita a aplicação de diversos ajustes e filtros criativos nas fotografias, trabalha com Photoshop ou Lightroom. Simula diversos filmes, como polaroid ou kodachrome, entre muitos outros.

Empresa: Alien Skin Preço: $199,00

8- FLUID MASK 3

Um plugin que possibilita a criação de máscaras numa fotografia de uma forma rápida e bastante precisa e detalhada, mesmo em zonas de difícil recorte, como cabelo ou árvores.

Empresa: Vertus Preço: $149.00 (129,00 euros)

9 - PORTRAITURE

Plugin para Photoshop, Lightroom e Aperture que torna mais fácil e rápido o processo de retoque de pele, bom sobretudo para retoque de rostos ao nível de fotografia de moda. Permite retoque selectivo através da selecção de pequenas áreas, ou retoque através de acções pré-definidas.

Empresa: Imagenomic Preço: $199,95

10 - MACHINE WASH DELUXE

Plugin que oferece a possibilidade de aplicação de texturas às fotografias. 

Empresa: Mister RetroPreço: $99,00

11- BLOW UP 3

Quando se pretende aumentar o tamanho de uma imagem para impressões em tamanhos grandes há sempre a perda de qualidade da mesma,  no entanto este plugin através de um sistema de algoritmos e de vectores que são associados à fotografia no momento da ampliação permite que esta seja ampliada de uma forma limpa e com excepcional nitidez.

Empresa: Alien Skin Preço: $149,00 (disponível versão de experimentação)

12- PHOTOMATIX PRO

Photomatix é um plugin para criação de fotografias HDR (High Dynamic Range) que trabalha com Photoshop, Lightroom e Aperture.

Empresa: HDR Soft Preço: $79,00

13 - PERFECT EFFECTS 4 FREE

Plugin que permite a contém um conjunto de mais de 70 filtros de efeitos e tratamento de cor, permite misturar os efeitos, adicionar efeitos em pequenas áreas seleccionadas, adicionar mascaras em zonas especificas da fotografia, e o melhor de tudo é que este plugin é completamente gratuito. A experimentar.

Empresa: On One Software Preço: Gratuito

14 - NOISEWARE

O ruído nas fotografias é por vezes um problema, mas com este plugin especialmente concebido para atenuar e limpar o ruído das fotografias consegue imagens totalmente limpas. 

Empresa: Imagenomic Preço: $79,95

15 - SITEGRINDER

Se desejar criar um website, páginas ou formulários em Photoshop e depois poder transferi-los para a web convertendo tudo em ficheiros HTML e CSS, este é o plugin ideal.

Empresa: Media Lab Preço: $347,00

16- WIRE WORM

Os cabos telefónicos e eléctricos ou vedações são por vezes um problema nas fotografias, este plugin remove de forma simples cabos eléctricos, cabos telefónicos e vedações das fotografias de uma forma rápida.

Empresa: MV’s Plugins Preço: Gratuito

17 - VIVEZA 2

Viveza é um plugin para edição selectiva e precisa de fotografias, é uma boa solução para aplicação localizada de ajustes de cor e efeitos de iluminação.

Empresa: Nik Software Preço: $149,00

18 - COLOR EFEX PRO 4

Color Efex Pro é um conhecido plugin com excelentes resultados na correcção de cores e aplicação de efeitos criativos em fotografias. Contém também 55 filtros pré definidos para utilização rápida.

Empresa: Nik Software Preço: $298,00

19 - MAGIC BULLET PHOTOLOOKS 2

Plugin com um conjunto de filtros e ajustamentos, disponível para Photoshop, Lightroom e Aperture.

Empresa: Red Giant Software Preço: $199,00

20 - KNOLL LIGHT FACTORY FOR PHOTOSHOP 3

Plugin bastante útil para adicionar efeitos de luz em fotografias, seja halos de luz, raios de iluminação artificial, flares de lentes, brilhos diversos. Mais de 100 efeitos de luz pré definidos e com possibilidade de criar o próprio efeito.

Empresa: Red Giant Software Preço: $199,00

21 - OZONE
Ozone é um plugin que usa o sistema de ajuste tonal baseado no que foi criado por Ansel Adams, basicamente é um plugin de ajuste tonal da fotografia mas de muito fácil utilização.

Empresa: Digital Film Tools Preço: $50,00.

22 - EDGE FX

Edge FX é um plugin simples mas útil para criar bordas e molduras nas fotografias. O plugin contém 100 molduras definidas, mas tem a possibilidade de criação de molduras próprias.

Empresa: My Photoshop Effects Preço: $6,90

23 - PERFECT PORTRAIT 2

Perfect Portrait é mais um plugin concebido essencialmente para a área do retoque de retratos, com ferramentas que ajudam a melhorar muito o aspecto do rosto, desde o aspecto e cor dos olhos, pele, dentes, lábios, etc. Um bom plugin para quem trabalha muito com fotografia de moda e retrato.

Empresa: On One Software Preço: $29,95 (edição standart) ou $99,95 (edição premium).

24 - FOCAL POINT 2

Focal Point é um plugin concebido para aplicação de zonas de desfoque nas fotografias, criando assim um efeito de profundidade de campo. Permite a simulação de lentes Tilt-Shift e adicionar múltiplos pontos de focagem numa imagem, opção de “focus Brush” para aplicação em zonas especificas e localizadas da fotografia.

Empresa: On One Software Preço: $99,95

25 - PERFECT RESIZE 7

Perfect Resize é um plugin concebido para redimensionar fotografias para grandes dimensões sem perda de qualidade. Permite também o seccionamento de uma grande imagem em fracções para ser impressa em partes numa impressora de pequenas dimensões.

Empresa: On One Software Preço: $69,95 (edição premium) $49,95 (edição standart)


Estes são 25 dos melhores, mais conhecidos e usados plugins que existem para Photoshop, pois actualmente no mercado existem centenas de plugins.

Retirado de: http://fotografiatotal.com/25-melhores-plugins-photoshop-para-fotografos